O Senhor é tão bom para comigo, que me é impossível temê-lo.
Bom Dia! São José dos Campos, terça-feira, 17 de outubro de 2017

Avisos Paroquiais
Receba nosso informativo diretamente em seu e-mail.
12º DOMINGO DO TEMPO COMUM - Lc 9,18-24 - Estar sempre com Jesus para responder com a vida quem Ele é para nós


23/06/2013

O Evangelho deste domingo começa dizendo que Jesus estava rezando num lugar retirado e os seus discípulos estavam juntos com ele.

Logo de início percebemos nos é apresentada uma das características de quem é seguidor de Jesus: deve ser alguém que esteja com Ele em todos os momentos. Participando da oração de Jesus, isto é, rezando com Ele e como Ele, vamos nos abrindo sempre mais ao seu projeto e conformando nossa vida à sua.

No contexto da oração Jesus pergunta aos seus amigos: “Quem sou eu?”. Com essa pergunta Jesus queria verificar como estava sendo percebido pelos que os escutavam e com ele conviviam. A pergunta de Jesus é feita em dois níveis: quer saber quem é na visão do povo e quem é na visão dos que lhe são mais próximos. Embora a pergunta seja a mesma, a resposta não pode ser única, porque quem é mais próximo de Jesus deve conhecê-lo melhor, de maneira mais profunda, de um outro modo.

Jesus dirige-se de maneira especial aos discípulos, pois queria saber se sua mensagem estava sendo assimilada por aqueles que deveriam comunicá-la, depois, aos outros.

Queria verificar se os discípulos estavam progredindo no acolhimento da revelação divina feita por Ele. Se estavam se deixando envolver e transformar pela sua verdade.

Ao lermos este evangelho devemos deixar que estas perguntas também nos questionem acerca de nossa caminhada de fé e compromisso com Jesus Cristo.

Estamos mais próximos de Jesus pelo fato de participarmos da comunidade? De fato sabemos quem Ele é, diferentemente daqueles que não participam da vida paroquial, como nós? Estamos progredindo no acolhimento da revelação divina feita por Jesus e nos deixando envolver e transformar pela sua verdade?

Saber quem é Jesus não se trata de um conhecimento teórico, mas de um modo de vida, modelado pelas suas palavras, exemplos e mandamentos.

Se vivermos como ele viveu, em todas as circunstâncias, então estaremos respondendo, cada dia, com a vida que Ele é o Cristo de Deus, pois sua presença em nós nos faz diferentes.

 

Pe. Edinei Evaldo Batista

Pároco

 

Voltar

 
| Política de privacidade © 2010 Paróquia Santa Teresa do Menino Jesus. Todos os direitos reservados.