Os mais belos pensamentos nada são sem as obras.
Boa Tarde! São José dos Campos, quinta-feira, 14 de dezembro de 2017

Avisos Paroquiais
Receba nosso informativo diretamente em seu e-mail.
23º DOMINGO DO TEMPO COMUM - Lc 14,25-33 - Jesus quer seguidores com qualidade


08/09/2013

Vemos no evangelho deste domingo que Jesus não se impressiona pelo fato de ser acompanhado por grandes multidões. Em vez de mostrar alegria pela grande quantidade de seguidores, agradecendo-os ou incentivando-os a perseverarem, fala das exigências requeridas para quem se coloca em sua companhia.
O que devemos aprender disto para nossa vida de fé?
Jesus não está preocupado com quantidade, mas com qualidade. Ele não deseja muitos seguidores, mas que os que desejarem ser seus companheiros abracem o seu estilo de vida.
Nos últimos domingos o evangelho vem apresentando os critérios para sermos verdadeiros discípulos de Jesus: ser desapegados das coisas materiais, entrar pela porta estreita, escolher o último lugar. Neste domingo, o Divino Mestre nos propõe o desapego das pessoas, inclusive das mais queridas e próximas.
Devemos entender isso da seguinte maneira: se as pessoas que amamos e que nos são próximas forem obstáculos para o nosso compromisso total com a novidade de vida que o Evangelho nos oferece, devemos ter a coragem de nos distanciar delas. Como disse Pedro em At 5, 29: "É preciso obedecer a Deus antes que aos homens".
Ser cristão é decidir viver como Jesus, fazendo suas escolhas e renúncias e, consequentemente, correndo os mesmos riscos que Ele. É fazer isso, muitas vezes indo na contramão da opinião comum e dispostos a desagradar até mesmo nossos parentes.
Jesus sabia que muitas pessoas gostavam das coisas que ele falava e fazia, mas nem todas estavam dispostas a assumir o seu jeito de ser. E isso continua acontecendo ainda hoje.
Por isso, Jesus fala de desapegar-se de todos e da própria vida, assumindo a cruz, isto é, as consequências de uma vida como a dele, para fazer-se seu discípulo.
Ele conclui sua fala com o exemplo de alguém que pensando em construir uma torre, primeiro calcula os gastos para ver se consegue concluir seu projeto ou do rei que antes de ir guerrear contra outro, examina se terá soldados suficientes para tanto.
Assim nós, devemos examinar-nos diariamente para ver se estamos dispostos a ser seguidores de Jesus como Ele quer e não como nós achamos que deva ser. Caso contrário, poderemos ser apenas quantidade atrás de Jesus ou ficar pelo caminho, deixando inacabada a obra de qualidade que Ele desejar realizar em comunhão conosco.

Pe. Edinei Evaldo Batista
Pároco

 

 
Arquivos disponíveis:

02-09 -08-09.pdf

09-09 -15-09.pdf

16-09 -22-09.pdf

30-09 - 06-10.pdf

Voltar

 
| Política de privacidade © 2010 Paróquia Santa Teresa do Menino Jesus. Todos os direitos reservados.