Sabemos muito bem que a Virgem Santíssima é a rainha do céu e da terra, mas ela é mais mãe do que rainha.
Bom Dia! São José dos Campos, terça-feira, 17 de outubro de 2017

Avisos Paroquiais
Receba nosso informativo diretamente em seu e-mail.
18º DOMINGO DO TEMPO COMUM - Mt 14, 13-21 - Milagres acontecem quando há generosidade em dar do pouco que temos


03/08/2014

Ao refletirmos o Evangelho deste domingo nos encontramos com a compaixão e a generosidade de Jesus para tornar-nos semelhantes a Ele e nos relacionar com os irmãos de maneira transformadora.
O encontro de Jesus com a grande multidão provocou mudança nele e nas pessoas. Nele, porque embora tenha se retirado para descansar e rezar, movido pela compaixão que sentiu ao ver os rostos sofridos daquela gente, passou a dar-lhes atenção, curando os doentes e multiplicando o pão e ensinando-lhes muitas coisas. Saiu para descansar e rezar, mas pôs a cuidar dos outros. Nas pessoas, porque no contato com Jesus descobriram um novo sentido para sua vida, encontraram Aquele que lhes podia dar o que mais necessitavam, o que era mais importante.
Assim também nossos encontros com Jesus Cristo: devem transformar-nos, fazendo-nos ver os outros com seus olhos, sentir o que se passa ao nosso redor com os sentimentos de seu coração e agir em relação aos problemas com o seu jeito. Nossos encontros com Jesus em cada Eucaristia devem nos tornar capazes de nos comprometer mais com as outras pessoas cuidando delas para diminuir as várias formas de sofrimento que as atinge.
Jesus quis associar os seus companheiros à sua bondade para com a multidão de sofredores que correu ao seu encontro e estava à sua espera. Ao entardecer os discípulos pediram a Jesus para despedir a multidão a fim de que buscasse comida. Jesus, porém, disse aos seus amigos que eles mesmos deviam alimentar as pessoas que ali estavam,  ao que eles responderam dizendo ter apenas cinco pães e dois peixes.
Essa cena do Evangelho faz pensar em nossa experiência: nós somos aqueles a quem Jesus diz para dar de comer às multidões famintas de Deus, de amor, de vida... Temos tanto a fazer, mas nos sentimos muito pequenos, fracos e incapazes. Diante da grandeza de nossa missão afirmamos ter "apenas cinco pães e dois peixes".
A resposta de Jesus, embora com poucas palavras, é densa de significado. "Trazei-os aqui" significa "colocai à disposição dos outros o pouco que tendes"; "o pouco partilhado torna-se muito"; "a verdadeira multiplicação dos recursos se faz quando há o compromisso de partilhar".
Confiemos na Palavra de Jesus que nos pede para colocar à disposição dos outros o pouco que temos. Essa mesma Palavra nos garante que a partir da generosidade é que acontecem os grandes milagres que podem transformar o sofrimento da humanidade.
Não tenhamos medo de dar de nossa pobreza: a nossa bondade se multiplica quando se encontra com a bondade de nosso Salvador.
 
Pe. Edinei Evaldo Batista
Pároco

 

 
Arquivos disponíveis:

04-08 - 10-08.pdf

11-08 - 17-08.pdf

18-08 - 24-08.pdf

25-08 - 31-08.pdf

Voltar

 
| Política de privacidade © 2010 Paróquia Santa Teresa do Menino Jesus. Todos os direitos reservados.